Pular para o conteúdo

Como contar uma história só com uma imagem (ou como a ilustração é storytelling)

março 20, 2017

14

Antes de trabalhar com revista, eu achava que ilustrar uma matéria era só sobre desenhar literalmente o que estava escrito no texto ou em um livro. Depois de um tempo, já trabalhando como designer na revista Superinteressante, comecei a dar uma atenção maior em contar histórias por meio da ilustração. Na revista, tudo que era ilustrado tinha que narrar uma história como uma releitura da matéria ou de forma que a complementasse. A imagem deveria ser original e criativa.

Foi quando entendi que a ilustração, por si só, poderia ser uma boa contadora de histórias. Que ilustração era muito sobre storytelling – uma expressão americana que significa “contar histórias” de forma que cative o leitor.

Veja um exemplo, muitas vezes quando compramos um jornal, a imagem principal do noticiário já conta a história toda do acontecido. Não precisamos ler nem a matéria inteira para entender do que se trata. Na ilustração, é a mesma coisa – e ainda temos a vantagem que podemos criar a imagem quem quisermos, que significa que podemos contar qualquer história por meio dela.

Por isso, hoje me interesso muito mais na forma de como um ilustrador passa uma mensagem com seu desenho do que sua técnica e acabamento. Veja os ilustradores, hoje, como Christoph Niemann ou Jean Jullien que usam traços simples de forma inteligente e criativa captando os leitores que podem ler de diferentes jeitos a mesma imagem. No passado, tínhamos cartunistas como Millôr Fernandes com desenhos que alguns consideravam “feios” mas que tinham sacadas geniais.

Hoje, temos um cenário com mais ilustradores autorais que tem mais controle no conteúdo de seu trabalho. Por isso, os ilustradores passaram a ter cada vez mais poder em além de exercer o papel de desenhar mas também de narrar suas próprias histórias.

Contar uma história com apenas uma imagem é tão poderoso quanto mil caracteres em palavras. O que os ilustradores fazem hoje é arte (aliás, esse é um mercado que tem crescido bastante nos últimos anos e um assunto que será tema em um dos meus próximos posts aqui.)

É como já dizia Niesztche: “temos a arte para nao morrer com a verdade”. Assim como a literatura, o desenho serve para nos tirar da realidade, nos levar para lugares que nem imaginamos que podemos ir.

Não é incrível?! Por isso, se você desenha, tente experimentar ilustrar imagens que contam uma boa história ou se você não desenha, tente ler as ilustrações com este olhar e sinta a diferença. O desenho fica muito mais divertido quando você os vê com um novo olhar 🙂                                                                                                         

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: